Novidades

Fique sabendo de tudo que estamos fazendo

noticias imagem

Parceiros do Fundo de Sustentabilidade Hydro visitam Barcarena

01/12/2022

Equipes da Plataforma Parceiros pela Amazônia (PPA) e da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID), parceiros do Fundo de Sustentabilidade Hydro, estiveram na Casa IBS (Iniciativa Barcarena Sustentável) e na Unidade de Beneficiamento do Projeto Tipitix, presencialmente. Na visita, o grupo conheceu o espaço colaborativo e de discussões que envolve as comunidades, as organizações civis, o poder público, as instituições de ensino e pesquisa de Barcarena na Casa IBS. Camile Lisboa e Amanda Araújo, da PPA e Patricia Benthien e Catherine Hamlin, da USAID, também puderam conhecer os produtos do Projeto Tipitix, na sua Unidade de Beneficiamento, onde entenderam o processo de produção e conversaram com Dona Natalina, das geléias Açucena, que ressaltou a mudança de vida de toda a comunidade devido ao projeto, pelo giro da economia proporcionado. Para Amanda Araújo, analista da PPA, o empoderamento e pertencimento que a IBS proporciona às comunidades. “Dentro da IBS temos pessoas de Barcarena que conversam com a realidade e fazem as coisas acontecerem, quero parabenizar em nome da PPA pelo andamento da IBS e Conexões Sustentáveis”, afirma. A agenda ocorreu na oportunidade da participação no Encontro de Projetos do Conexões Sustentáveis, programa apoiado pela PPA e USAID, onde os 15 projetos aprovados pelo edital tiveram um momento de apresentação e integração entre si. Saiba mais sobre os projetos em: fundosustentabilidadehydro.org barcarenasustentavel.org/conexoes-sustentaveis tipitix.com.br

noticias imagem

Plataforma Conexões Sustentáveis realiza Encontro de Parceiros para início dos projetos

29/11/2022

Quinze projetos iniciaram suas atividades para promover transformações positivas em prol do desenvolvimento de Barcarena Proporcionando a integração entre os projetos selecionados na Plataforma Conexões Sustentáveis, foi realizado o Encontro de Parceiros, uma atividade que marcou o início da ação dos projetos de Base Comunitária e Estruturante, criando redes de trocas de experiências e conhecimentos. A iniciativa é uma realização do Fundo de Sustentabilidade Hydro, com apoio da Plataforma Parceiros pela Amazônia – PPA, da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional – USAID e Alliance Bioversity International – CIAT, com execução da Iniciativa Barcarena Sustentável, a IBS. O encontro, realizado nos dias 23 e 24 de novembro, é uma continuidade do workshop de formação e contou com a participação de representantes dos 15 projetos, membros da Iniciativa Barcarena Sustentável e representantes dos apoiadores. Na oportunidade, cada projeto apresentou seu papel no eixo de atuação, recebeu feedbacks dos demais participantes e responderam possíveis dúvidas na execução. Toda a programação foi realizada de forma dinâmica, com reflexões e atividades em grupo, que possibilitaram um momento enriquecedor. Acompanhando cada detalhe do evento, foram criadas ilustrações representando cada projeto, para que eles pudessem se visualizar de forma imagética em sua área de atuação, reconhecer como são complementares e podem se agregar. Para Gilberto Silva, do Instituto Açaí – Ciência e Cidadania na Amazônia, representante do projeto Tecnosocial de Mini-Transponder para Prevenção de Acidentes Aquaviários nas Comunidades Ribeirinhas, o encontro foi inspirador para seu projeto. “Este incentivo faz com que possamos tirar nossas ideias e projetos do papel e aprimorar, com editais como esse, que tem papel de responsabilidade social”, afirma. Toda a Chamada de Projetos do Conexões Sustentáveis está prevista para acontecer em 30 meses, promovendo o desenvolvimento de Barcarena e de seus habitantes. Conheça os projetos selecionados: Base comunitária: - Educação ambiental para gestão de resíduos sólidos em Barcarena - Mulheres Quilombola em Ação: a União que capacita. - Chuvas da Amazônia - Água potável é vida - Árvore da vida - Atelier N´ativo - Açaí, nossa fonte de vida - Abelhas e flores Base Estruturante: - Economia circular sustentável - Tecnosocial de Mini Transponder no Município de Barcarena - Projeto Social Boa Vista Sustentável - Mulheres do Nosso Bairro - Inclusão Digital - Tecnologias e Inovações Sociais para o Fortalecimento de Cadeias Produtivas de Hortifruticultura e Bioeconomia em Empreendimentos Econômicos Solidários Rurais - Laboratório de Qualidade e Certificação Agro de Barcarena

noticias imagem

Costureiras do Projeto Estilo Travessia desfilam suas criações em noite de celebração

25/11/2022

Momento marcou a conclusão da formação de 22 costureiras de Barcarena em alta costura O Projeto Estilo Travessia promoveu na noite de quarta-feira, 23, no Cabana Clube, uma Mostra e um Desfile com a participação de 22 costureiras de Barcarena. Idealizado pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro, que tem o apoio da Hydro, da Albras, do Programa Todos pelo Trabalho e execução da Iniciativa Barcarena Sustentável - IBS, o Estilo Travessia proporcionou o aprimoramento das habilidades em corte e costura do grupo, com o apoio de consultores técnicos. No desfile, elas foram as protagonistas da noite, apresentando sua criação. A programação foi desenvolvida para convidados, entre familiares das participantes e parceiros do Fundo de Sustentabilidade Hydro. Cada peça foi criada a partir de oficinas e workshops, que contaram ainda com a participação do renomado estilista paraense Marco Normando, referência na moda da Amazônia para o Brasil. A formação incluiu orientações sobre a história da moda, criação de coleções e processo produtivo na indústria da alta costura. “Essa formação transforma vidas, eu pude aprimorar minhas técnicas e voltar a realizar minhas atividades de costura, estamos muito felizes com essa iniciativa e não queremos parar por aqui”, pontuou a costureira Lucineide Silva, primeira a receber a certificação durante o evento. O momento se tornou ainda mais especial, pois o certificado foi entregue pelas mãos da CEO da Hydro, Hilde Merete Aasheim, e de John Thuestad, Vice-presidente Executivo da Hydro B&A, que em passagem pelo Pará, prestigiaram esse momento de comemoração e de incentivo à transformação social. O Projeto Estilo Travessia nasceu da iniciativa de desenvolver as costureiras para além da produção de máscaras, que iniciou no Projeto Travessia Barcarena por ocasião da pandemia da Covid-19. Além da capacitação técnica, é uma valorização e impulsionamento da força de trabalho feminina, transformando vidas por meio do estímulo ao conhecimento.

noticias imagem

Projeto Tipitix, realizado pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro, é destaque de negócios na XV FIPA

03/11/2022

A participação do Projeto Tipitix – Empreendedorismo Agroalimentar Comunitário, na XV Feira da Indústria do Pará no mês passado, rendeu bons frutos em contato comerciais e divulgação de seus produtos. O espaço, montado nos estandes da Hydro e da Albras, recebeu a visita de potenciais parceiros logísticos, estudantes, profissionais interessados no tema da agricultura familiar e, também, de empresas expositoras, público que conheceu e se deliciou com a degustação dos produtos. O projeto, realizado pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro, promoveu a degustação de jambu, tucupi, sorvete, banana chips, farinha de tapioca, chocolate, cobertura de frutas, geleias e pão de queijo de macaxeira, atraindo o grande público da Feira. Disponibilizou também materiais de divulgação e exposição das geleias Açucena, coberturas de frutas Nativa, pão de queijo de macaxeira Dona Chica, chips de banana Chita Chips, farinha de tapioca Lima, tucupi Raiz da Mata, chocolate Vovó Bel, jambu congelado Bem Jambu, sorvetes Dos Anjos e farinha de mandioca Mandioqueiras, onde o público demonstrou grande interesse no consumo dos produtos. Empreendedores participantes do projeto também foram convidados a participar da ação, com apoio da equipe Tipitix, foram eles: Carmem, do Bem Jambu, Raimundo Zaca, do Pimentas Maiã, Natalina da Geleias Açucena e Raquel do Raiz da Mata. Além de promover seus produtos, os empreendedores puderam dar depoimentos sobre sua participação no projeto, ajudando na compreensão dos empreendedores sobre oportunidades de mercado e a importância do networking, finalizando a Feira da Indústria do Pará com grandes oportunidades de parcerias e negócios. NOVO EDITAL – E quem mora em Barcarena e trabalha com a agricultura familiar tem nova oportunidade de se inscrever n Tipitix. O edital do 4º ciclo de seleção está aberto até 15 de dezembro. Conheça mais sobre o Tipitix e o novo edital: www.tipitix.com.br www.fundosustentabilidadehydro.org

noticias imagem

Projeto Tipitix lança seu 4° edital para desenvolvimento de negócios agroalimentares, em Barcarena

01/11/2022

Combinando inovação, saberes tradicionais da agricultura familiar e a missão de contribuir para a oportunidade de crescimento de negócios locais e agroalimentares em Barcarena, o projeto Tipitix – Empreendedorismo Agroalimentar Comunitário, realizado pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro e Fundação Mitsui Bussan do Brasil, com execução do Instituto Peabiru, lança edital para o seu 4° Ciclo de Desenvolvimento de negócios nesta segunda-feira, 31. Neste edital serão contemplados 10 empreendedores, individuais ou em grupo, que receberão assistência para evolução do seu negócio durante 4 meses em: assessoria técnica na adequação do modelo de negócio, infraestrutura para o beneficiamento da produção, suporte em design, crédito e assessoria comercial para colocar o produto e/ou serviço no mercado e o suporte administrativo e contábil para os procedimentos referentes à formalização e gestão do negócio. O projeto possui mais de 20 produtos inseridos no mercado e produtos ainda em fase de desenvolvimento, como farinhas, molhos, temperos, caldas e sorvetes, feitos com ingredientes cultivados localmente, garantindo todos os processos de controle de qualidade e beneficiando famílias e comunidades locais. As inscrições para o 4° Ciclo de Desenvolvimento de negócios serão realizadas de 1º de novembro a 15 de dezembro de 2022. O edital com informações para chamada e seleção do projeto está disponível na aba Publicações deste site.

noticias imagem

Culinária paraense é estrela durante o período do Círio

06/10/2022

O círio está chegando, e a culinária paraense também protagoniza a quadra nazarena, se diferenciando pelo sabor marcante e a versatilidade dos seus elementos. Duas das grandes estrelas são o tucupi e o jambú, responsáveis pelas principais receitas paraenses, altamente consumidas no almoço do Círio. E esses são dois ingredientes que também fazem parte do catálogo do Projeto Tipitix, realizado pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH), com os produtores rurais familiares de Barcarena, aprovados no segundo e terceiro ciclo de desenvolvimento de negócios, respectivamente. Uma das beneficiárias é a Raquel Rodrigues Mendes, participante do projeto Ativa Barcarena e selecionada para participar do 2º ciclo do Tipitix. “Minha mãe já trabalhava na roça com plantio de mandioca. Adquiri dela todo o conhecimento para trabalhar com o tucupi e algumas técnicas do projeto do Ativa, que me proporcionam sustentar minha família com a venda do produto nas feiras”, relata Raquel, que com o apoio criou a marca Raiz da Mata. Com a proximidade do Círio, a sua produção aumentou, passando de 800 litros de tucupi produzidos mensalmente para 1.500 litros. “Essa época sempre foi muito boa para nós, as encomendas aumentam e, agora, com a produção em grande escala por conta dos apoios recebidos da Hydro, nossa renda aumentou e podemos oferecer um produto de melhor qualidade ao consumidor. Eu e minhas filhas vivemos só da produção do tucupi e ele faz parte da vida do paraense”, conta Raquel. Te convidamos pra conhecer mais o que o Fundo de Sustentabilidade vem promovendo na vida dos participantes do Tipitix: O Tucupi Raiz da Mata é conduzido por seis mulheres amazônidas, que há mais de uma década vivem da produção do molho de tucupi. O Bem Jambu é o mais novo produto do terceiro ciclo a entrar no mercado, justamente em época de grande aquisição deste ingrediente. A Mandioqueiras é uma farinha de mandioca branca, lavada, de alta qualidade, fruto do trabalho com a mandioca que a família desenvolve há gerações. Pontos de venda: Casa Natural (Shopping Boulevard, 1º piso) - Av. Visconde de Souza Franco - Umarizal. Espaço Vem - Rua Ó de Almeida, 1083 - Reduto. Veja todos os produtos em: http://tipitix.com.br Compre online em https://peabiruprodutos.com/

noticias imagem

Circuito de robótica encerra atividades da turma do Curso de Formação Social e Capacitação Específica

04/10/2022

Uma atividade especial, divertida e tecnológica foi reservada para a última aula da primeira turma do Curso de Formação Social e Capacitação Específica – oferecido pela IBS (Iniciativa Barcarena Sustentável) com apoio do Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH) e parceria da GSA Consultoria Educacional, neste domingo (25/09). A primeira turma de alunos inaugurou o “Circuito de Robótica”, a formação foi oferecida a 40 participantes – a maioria composta por lideranças sociais integrantes da IBS. Os alunos foram organizados em equipes e cada uma montou um robô. As máquinas foram programadas por eles para interagir com as outras, o que ocorreu na inauguração do circuito. “O curso abre uma janela em nossa vida! Eu falo para minha mãe, minhas irmãs: ‘se pudesse, levava vocês. O conhecimento é tudo”. Afirma Leila Marques Dias, uma das alunas que esteve na Inauguração do circuito de robótica e diz que tem achado o curso “maravilhoso”. Ela é agente de saúde e liderança local na comunidade da zona rural Rainha dos Corações. O Curso de Formação Social e Capacitação Específica trouxe uma variedade de métodos pedagógicos para ajudar os participantes a desenvolver tais competências como: Relacionamento e Presença das Lideranças – comunicação não violenta – CNV, Meio Ambiente e Qualidade de Vida, Letramento Digital, entre outras, colaborando para um ambiente de cidadania.

noticias imagem

Projeto Ambulante Caripi realiza formatura de trabalhadores e trabalhadoras informais em Barcarena

22/09/2022

Os participantes concluíram qualificação em em vendas, produção, marketing e muito mais. Na última quarta-feira, 21, cerca de 40 ambulantes participaram da cerimônia de formatura do projeto Ambulante Caripi, onde aprenderam noções básicas de vendas, marketing, gestão da produção, curso de inglês básico totalizando mais de 200 capacitações. O Projeto Ambulante Caripi foi aprovado no primeiro edital de chamada de projetos promovido pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH), por meio do apoio à Iniciativa Barcarena Sustentável (IBS) e executado pela Microlins de Barcarena. O Projeto leva qualificação, informação, conhecimento e apoio para uma parte da sociedade civil menos favorecida, além de proporcionar oportunidades, organizar e padronizar o comércio da Praia do Caripi, um dos principais pontos turísticos do município de Barcarena. Antônio Pamplona tinha vontade de ser poliglota. De família humilde, ele chegou a guardar dinheiro para poder pagar o curso de inglês, mas as finanças apertaram. Hoje ele vende boias e brinquedos na praia do Caripi, no município paraense de Barcarena, onde mora há mais de 20 anos. “Aos 67 anos, me procuraram ali na areia da praia e me trouxeram para a sala de aula onde aprendi um pouco desse idioma maravilhoso. Agora, eu uso no meu trabalho para atender turistas de todo lugar. Está valendo muito a pena”, conclui Antônio. “Mais que um financiador, o FSH busca contribuir para o desenvolvimento da cidade para que os moradores sejam os pioneiros, os protagonistas daquilo que querem para si e para Barcarena. Até então, esses pais e mães de família que trabalham informalmente não tinham um olhar para eles, uma capacitação direcionada. Agora eles entenderam que, sem a capacitação e o trabalho em equipe, não avançariam”, conta Milene Maués, gerente de parceria do Fundo de Sustentabilidade da Hydro. O trabalho em equipe o qual ela se refere, é a criação da Associação dos Ambulantes de Barcarena (AAMBARC), entidade organizada pelos participantes do curso cuja documentação oficial foi apresentada na cerimônia de formatura.

noticias imagem

Unidade de Beneficiamento do Projeto Tipitix e agricultor recebem visita de representante da NAAC Tóquio

06/09/2022

A Unidade de Beneficiamento (UB) do Projeto Tipitix – Empreendedorismo Agroalimentar Comunitário foi visitada pelo auditor da NAAC Tóquio, Akira Saito, onde recebeu informações sobre o funcionamento do projeto, conheceu o processo de produção e ainda pôde degustar os produtos dos beneficiários. O representante da empresa, que é uma das acionistas da Albras, foi acompanhado pela gerente sênior de Programas Socioambientais do Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH), Rachel Starling, pela coordenadora de Programas Socioambientais, Katia Aguiar, além de integrantes do Instituto Peabiru. Na Unidade de Beneficiamento, Saito observou a fabricação do molho de tucupi da marca ´Raiz da Mata´, coordenado pela dona Raquel. O produto é beneficiado pelo Tipitix e o negócio conduzido por seis mulheres amazônidas, que há mais de uma década vivem da produção do molho de tucupi. “Está sendo muito bom para o meu produto, ganho visibilidade e, armazenando na garrafinha, consigo vender para pessoas de outros locais, que já estão indicando e comprando em grande quantidade”, afirma dona Raquel. Em seguida, foi a vez do agricultor beneficiário Raimundo Marques, mais conhecido como Seu Zaca, receber a visita da comitiva em sua propriedade, mostrando os produtos orgânicos e meios de cultivo orientados pelo projeto Ativa Barcarena, do qual é beneficiário. Agora, com seu molho de pimenta, Seu Zaca também é beneficiário do Projeto Tipitix, onde foi selecionado no evento Shark Tank, do 3° Ciclo de Desenvolvimento já iniciado. “Nós já fazíamos o molho de pimenta para festas em casa e todo mundo gostava. Começamos a vender na feira e vimos a oportunidade de melhorar participando do Tipitix, sendo mais uma fonte de renda”, explica. Para o auditor da NAAC Tóquio, foi muito importante conhecer de perto o projeto e entender mais sobre a agricultura familiar do município. “As atividades desenvolvidas pelos agricultores formam uma rede de relacionamentos que contribuem para o desenvolvimento de toda a comunidade e transformam a sociedade”, concluiu Saito.

noticias imagem

Projeto Tipitix e empreendimento beneficiado recebem visita da Fundação Mitsui Bussan do Brasil

06/09/2022

As representantes da Fundação Tiemi Hirata, diretora administrativa, e Mariana Itó, diretora de RH, puderam conhecer a unidade de beneficiamento de produtos da agricultura familiar do Projeto Tipitix, onde são atendidos os empreendimentos de produção agroalimentar de base comunitária local, em Barcarena. Para Tiemi Hirata, foi de grande importância conhecer pessoalmente os sonhos que o projeto vem apoiando. “É diferente quando vemos pessoalmente, de perto e podemos observar o processo, entendendo ainda mais sua importância para a comunidade”, afirma Tiemi. Uma dessas histórias que elas tiveram acesso foi a do agricultor familiar Elias Bezerra, que teve seu empreendimento beneficiado pelo segundo ciclo de desenvolvimento de negócios do Tipitix. Elas conheceram o sítio familiar do seu Elias, que cultiva banana há cerca de cinco anos e lançou o Chita Chips – chips de banana assados. Junto com ele, mais três pessoas da família trabalham diretamente na produção. Durante a passagem pelo Pará, as representantes da Fundação também participaram do evento do terceiro Ciclo de Desenvolvimento do Projeto, onde foram escolhidos os 11 novos empreendimentos que receberão o apoio. O Tipitix é uma iniciativa do Fundo de Sustentabilidade Hydro e da Fundação Mitsui Bussan do Brasil para contribuir com o desenvolvimento territorial de Barcarena, e conta com o Instituto Peabiru como parceiro de execução.

noticias imagem

Evento define 11 novos empreendedores em Barcarena que receberão o apoio do Projeto Tipitix

19/08/2022

O terceiro Ciclo de Desenvolvimento de Negócios do Projeto Tipitix – Empreendedorismo agroalimentar comunitário - definiu, por meio do Fundo de Sustentabilidade Hydro, a Fundação Mitsui Bussan do Brasil e o Instituto Peabiru, os projetos selecionados, de empreendedores individuais ou em grupos, que durante os meses de agosto a novembro receberão suporte em assessoria técnica na adequação de seu modelo de negócio; infraestrutura para o beneficiamento de sua produção; apoio em design, crédito e assessoria comercial para colocar o produto e/ou serviço no mercado; assim como suporte administrativo e contábil para os procedimentos referentes à formalização e gestão do negócio, de forma a contribuir para o crescimento sustentável na Amazônia. Os produtos e apresentações foram avaliadas por um comitê de jurados, pelos critérios de impacto social e ambiental, a viabilidade técnica e operacional da sua implementação, potencial mercadológico e a relevância para o desenvolvimento da agricultura de Barcarena. O formato “Shark Tank” foi utilizado para a apresentação das ideias, onde cada participante teve 3 minutos para defender seu projeto. Conheça os 11 empreendedores e seus produtos selecionados para o terceiro Ciclo de Desenvolvimento de Negócios do Tipitix: Raimundo Marques Oliveira Reis - Molho de pimenta tucupi Carmem Regina Ribeiro Gonçalves - Jambu congelado Olivia Aires Lira - Castanha do Pará Thaliane Mendes Ribeiro - Goma de tapioca Lucimar Teles Tavares - Chopp de frutas gourmet Antonio de Souza Cardoso - Cocada cremosa Janilda Lucia Gonçalves - Compota de frutas Marlen de Jesus Costa dos Santos - Farofa Catarina da Costa Neves - Urucum José Carlos da Conceição Ferreira - Temperos desidratados Sandra Maria Malcher - Maniva/maniçoba

noticias imagem

Fundo de Sustentabilidade Hydro e parceiros abrem inscrições para o edital de seleção do terceiro ciclo de desenvolvimento de negócios do Projeto Tipitix

05/07/2022

Buscando contribuir com o cenário de negócios locais em Barcarena, no Pará, o Projeto Tipitix lança a chamada para o seu terceiro Ciclo de Desenvolvimento de Negócios, que irá oferecer um conjunto de serviços e soluções para 10 empreendedores, individuais ou em grupo. As inscrições poderão ser feitas até 01 de agosto pelo site https://www.tipitix.com.br/. O Tipitix é um projeto realizado pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH) e pela Fundação Mitsui Bussan do Brasil, com execução do Instituto Peabiru, e tem o objetivo de promover a cultura empreendedora e valorizar a cultura local, contribuindo para o desenvolvimento da economia de base comunitária. O projeto inclui suporte que oferecerá assessoria técnica e comercial; infraestrutura para o beneficiamento da produção; suporte no design do produto, crédito; suporte administrativo e contábil. Podem participar desta seleção produtores ou membros de grupo de produtores da agricultura familiar de Barcarena; empreendedores do município ligados ao mundo da agricultura familiar; indivíduos, grupos ou organizações comunitárias de Barcarena com uma ideia de negócio ou que já possuem um produto ou um serviço importante para a cadeia de valor da agricultura familiar. A assessoria irá funcionar em Ciclos de Desenvolvimento de Negócios. Cada ciclo terá a duração total de 4 meses, envolvendo as etapas de definição do modelo de negócio; desenvolvimento do produto, com apoio na definição da embalagem, registro na Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (ADEPARÁ) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), beneficiamento do lote piloto de produção, análise da necessidade de crédito, estratégia de financiamento, apoio contábil e suporte comercial para a primeira negociação; avaliação do negócio, com monitoramento da comercialização, coleta de dados do período de vendas, sistematização dos dados, avaliação do negócio a partir das métricas operacionais e financeiras; e aprendizagem e aprimoramento. Hoje o Tipitix atende cerca de 20 agricultores familiares, beneficiando mais de 200 pessoas. São eles produtores da mandioca e seus derivados, frutas, verduras, hortaliças e diversos outros produtos de mais de 20 comunidades rurais de Barcarena (PA). Desde que o primeiro ciclo foi lançado, em março de 2021, já foram consolidados mais de 30 produtos de mercado e produzidos cerca de uma tonelada de mandioca, beneficiada em farinha de mandioca grossa, farinha de tapioca, farofa temperada, pão de queijo, tucupi, brigadeiro e macaxeira embalada a vácuo. Foram beneficiados também 300 quilos de produtos como abóbora a vácuo, geleias, coberturas, sorvetes, chocolates e folhas processadas. Mais informações para inscrições pelo número (91) 9911 98326. Sobre o Fundo de Sustentabilidade Hydro - O Fundo foi criado pela Hydro, Alunorte e Albras como mecanismo financeiro para a gestão de investimentos, tendo as diretrizes e prioridades definidas no âmbito da Iniciativa Barcarena Sustentável (IBS) como validadores das ações realizadas. O Fundo é resultado do compromisso de investimento de R$ 100 milhões, num período de dez anos, assumido pelas empresas em abril de 2018.

noticias imagem

Grupo de cooperação internacional visita os projetos do Fundo de Sustentabilidade Hydro

13/06/2022

O Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH) tem como pilares de sua atuação os investimentos em valores da Amazônia e a consolidação de parcerias. Foi com o objetivo de fortalecer essa rede de diálogo que os representantes do FSH receberam, no dia 03 de junho de 2022, em Barcarena (PA) o grupo de representantes da Agência de Cooperação Internacional do Japão (Japan Internacional Cooperation Agency – JICA). A JICA é a Agência do Governo japonês, responsável pela implementação da Assistência Oficial para o Desenvolvimento (ODA), que apoia o crescimento e a estabilidade socioeconômica dos países em desenvolvimento, com o objetivo de contribuir para a construção da paz, laços de confiança entre países e o desenvolvimento da sociedade internacional. Na ocasião, os representantes do grupo visitaram o projeto Ambulante Caripi, contemplado no Edital de Projetos 01, e a unidade de beneficiamento do projeto Tipitix – Empreendedorismo Agroalimentar Comunitário; ambos realizados pelo FSH. A gerente geral de Estratégias e Parcerias para o Desenvolvimento Territorial da Hydro, Rachel Starling, enfatizou a importância da visita. “Esse é um momento bastante importante na nossa jornada com o Fundo de Sustentabilidade Hydro, a nossa intenção é trazer novos parceiros. A JICA já tem atuação no Brasil e foi positivo mostrar como operamos aqui”, afirmou. O grupo visitou a Unidade de Beneficiamento (UB) Tipitix, projeto que apoia o desenvolvimento de novos negócios agroalimentares na região. Na UB puderam conhecer o processo de produção e degustar os produtos, que incluem geleias e caldas de frutas regionais, chips de banana, farinha de mandioca, pão de queijo de mandioca, entre outros. Posteriormente, seguiram para as atividades do Ambulante Caripi. Financiado pelo Edital de Projetos 01, a iniciativa levou qualificação, informação, conhecimento e apoio para os ambulantes, que desenvolvem suas atividades na praia do Caripi, o principal ponto turístico do município. A visita foi uma oportunidade de difundir como FSH, enquanto mecanismo financeiro, direciona seus investimentos em diversas ações socioambientais. De acordo com a gerente de parcerias do FSH, Milene Maués, trocar com organizações de cooperação, como a JICA, é uma forma de “apresentar a tecnologia social que implementada nos territórios, gerando o reconhecimento e ampliação dos projetos. A partir de visitas como essa conseguimos ampliar o diálogo com organizações e entender estratégias diversas para firmar parcerias”, concluiu.

noticias imagem

Fundo de Sustentabilidade Hydro em diálogo com os territórios

08/06/2022

Para fortalecer nossa relação com os territórios e nossos vizinhos, o projeto Tipitix, realizado pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro, em parceria com a Fundação Mitsui Bussan do Brasil e Instituto Peabiru, participou, domingo, dia 05/06, do evento Circular Campina-Cidade Velha. O Circular promove uma série de programações gratuitas, com o objetivo de incentivar a integração entre as pessoas e o patrimônio cultural paraense. Os produtos desenvolvidos pelos agricultores de Barcarena estiveram à venda e integraram uma programação especial de degustação de receitas, elaboradas pelas chefs do projeto Gastronomia do Amanhã, patrocinado pela Albras. Criado em 2021, o Tipitix atende a cerca de 200 agricultores familiares, produtores da mandioca e seus derivados, além de frutas, verduras, hortaliças e diversos outros produtos de mais de 10 comunidades rurais de Barcarena (PA). Para saber mais acesse o site: tipitix.com.br.

noticias imagem

Inscrições abertas para nova Chamada de apoio a projetos sociais em Barcarena

07/06/2022

Inscrições abertas para nova Chamada de apoio a projetos sociais em Barcarena Inscrições abertas para nova Chamada de apoio a projetos sociais em Barcarena Conexões Sustentáveis - Plataforma de Chamada de Projetos terá convocações previstas para 2022 e 2023 com o objetivo de financiar projetos que contribuam para o empreendedorismo e o desenvolvimento sustentável na região O Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH), em parceria com a Plataforma Parceiros pela Amazônia (PPA) e a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento (USAID), por meio do apoio da Iniciativa Barcarena Sustentável (IBS), abrem a partir do dia 06 de junho novas inscrições para projetos de base estruturante da Conexões Sustentáveis – Plataforma de Chamada de projetos do FSH para o desenvolvimento de Barcarena. Na primeira fase das inscrições foram contemplados projetos de base comunitária a serem realizados no município. O objetivo da nova Chamada é promover a transição socio tecnológica para o desenvolvimento sustentável de Barcarena, entendida como as mudanças estruturais necessárias para que uma comunidade do município conheça, use e incorpore novas tecnologias às suas relações sociais, econômicas e produtivas, a fim de que menos impactos ao meio ambiente sejam gerados. Os interessados podem inscrever seus projetos do dia 06 de junho ao dia 08 de julho de 2022, por meio do site da IBS barcarenasustentavel.org. O investimento total das instituições parceiras será de R$ 2.250.000. A intenção é promover conexões entre diversos setores da sociedade para que eles executem ações concretas de impacto social no município em três eixos principais: sociobiodiversidade, saneamento e infraestrutura inclusiva e fomento à inovação. O valor de investimento em cada eixo é de R$ 750.000 e o valor máximo por projeto é de R$ 375.000. O tempo de execução dos projetos é de no mínimo 18 meses e no máximo 24 meses. Poderão se inscrever entidades com pessoa jurídica estruturada, como OSC, Fundações, MEIS e Sociedades Limitadas, com projetos que tenham atuação em Barcarena. A Plataforma objetiva incentivar a adesão e postulação de projetos por parte de universidades, centros educacionais, startups, organizações e fundações que poderão se articular com organizações de base comunitária locais para o desenvolvimento e a execução de projetos. Para as instituições interessadas, há suporte para a elaboração de projetos com oferta de um workshop online, no dia 14 de junho, às 14hrs. Até o final do processo os interessados ainda poderão contar com apoio da Iniciativa, inclusive para utilizar internet e computadores para efetuar inscrição. Edital de Projetos 01 – Em 2019, houve um edital de chamada de projetos promovido pelo FSH, que selecionou oito iniciativas, cujos projetos entraram em execução em 2021. Os participantes postularam o financiamento de seus projetos a partir de três linhas de investimento: promoção de trabalho, emprego e renda e meio ambiente; fortalecimento institucional de associações e organizações sociais e eventos esportivos ou culturais. O primeiro edital garantiu um investimento total no valor de R$ 730 mil, beneficiando, aproximadamente, 300 famílias.

noticias imagem

Rodada de negócios apresenta novos produtos desenvolvidos por comunidades de Barcarena

11/05/2022

O evento apresentou os produtos do segundo ciclo do Projeto Tipitix, desenvolvido pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro, e que estarão disponíveis para comercialização. Para transformar a agricultura familiar local, o Fundo de Sustentabilidade Hydro desenvolve diversos projetos no munícipio de Barcarena, entre eles o Tipitix – Empreendedorismo Agroalimentar Comunitário, em parceria com Fundação Mitsui Bussan do Brasil e o Instituto Peabiru. Na etapa atual do projeto, uma parte dos produtos desenvolvidos já se encontra em fase de comercialização e novos produtos estão sendo lançados no mercado como resultado do 2º Ciclo de Desenvolvimento de Negócios. Esses produtos foram apresentados no dia 05 de maio, em Belém, na 1ª Rodada de Negócios. Entre esses novos produtos estão as geleias de açaí e muruci, cobertura para sorvete de açaí, taperebá e cupuaçu, pão de queijo de macaxeira, e muitos outros, beneficiando as comunidades a desenvolverem cerca de 20 negócios agroalimentares e 34 produtos, sendo que 14 foram lançados em 2021, e outros 20 agora em 2022. O Tipitix atende cerca de 200 agricultores familiares, produtores da mandioca e seus derivados, além de frutas, verduras, hortaliças e diversos outros produtos de mais de 20 comunidades rurais de Barcarena (PA). Entre essas comunidades está a do Cupuaçu, localizada a 143 km da capital, onde a agricultora Rosa Queiroz aprendeu com as gerações passadas a produzir a farinha de mandioca. Esse conhecimento vem sendo aperfeiçoado com o suporte do projeto Tipitix, que oferece assessoria técnica para o desenvolvimento dos produtos, infraestrutura para o beneficiamento da produção; além de apoio em design, crédito e assessoria comercial para inserção dos produtos no mercado. O projeto ainda oferece suporte administrativo e contábil para os procedimentos referentes à formalização e à gestão dos empreendimentos participantes. Desde que o primeiro ciclo foi lançado, em março de 2021, já foram produzidos cerca de uma tonelada de produtos beneficiados a partir da mandioca, como farinha de mandioca grossa, farinha de tapioca, farofa temperada, pão de queijo, tucupi, brigadeiro e macaxeira embalada a vácuo. Foram beneficiados também 300 quilos de produtos como abóbora a vácuo, geleias, coberturas, sorvetes, chocolates e folhas processadas.

noticias imagem

Inscrições abertas para apoiar projetos de base comunitária e estruturantes em Barcarena

11/05/2022

Conexões Sustentáveis - Plataforma de Chamada de Projetos terá convocações previstas para 2022 e 2023 com o objetivo de financiar projetos que contribuam para o empreendedorismo e o desenvolvimento sustentável na região. O Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH), em parceria com a Plataforma Parceiros pela Amazônia (PPA) e a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento (USAID), por meio do apoio da Iniciativa Barcarena Sustentável (IBS), abriram inscrições para a Conexões Sustentáveis – Plataforma de Chamada de projetos do FSH para o desenvolvimento de Barcarena, que visa financiar projetos de base comunitária e projetos estruturantes a serem realizados em Barcarena. O objetivo é alcançar, de maneira colaborativa, o desenvolvimento baseado em soluções sustentáveis para a região, além de fortalecer as organizações locais e aprimorar suas habilidades de planejamento, gestão e implementação de projetos. Os interessados podem se candidatar para a Chamada de Base Comunitária 1, primeira fase voltada para organizações de base comunitária, até dia 03 de junho, no site da IBS https://barcarenasustentavel.org/. O investimento total das instituições parceiras será de R$ 700 mil, para apoiar organizações de base comunitária a desenvolver e executar ações concretas de impacto social no município nas áreas de geração de trabalho e renda; sociobiodiversidade; saneamento e gestão de resíduos sólidos. Poderão se inscrever entidades com pessoa jurídica estruturada, como OSC, Fundações, MEIS e Sociedades Limitadas, com projetos que tenham atuação em Barcarena, prioritariamente. As organizações sem fins lucrativos poderão enviar propostas em rede, elencando uma responsável para ser a proponente. Para as instituições interessadas, há suporte para a elaboração de projetos com oferta de dois workshops oferecidos durante o processo de inscrição, um realizado no dia 10, e o outro será realizado nesta quarta, dia 11 de maio. Até o final do processo os interessados ainda poderão contar com apoio da IBS, inclusive para utilizar internet e computadores para efetuar inscrição. As inscrições para os projetos ocorrem em dois momentos: este ano, uma Chamada para projetos de base comunitária e uma Chamada para projetos de base estruturante; e, em 2023, outra Chamada para projetos de base comunitária. A primeira Chamada já se encontra aberta e o instrumento contendo todas as regras está disponível no site. Já a Chamada de projetos de base estruturante terá início em junho deste ano. Edital 01 – Em 2019, houve um edital de chamada de projetos promovido pelo FSH, que selecionou oito iniciativas, cujos projetos entraram em execução em 2021. Os participantes postularam o financiamento de seus projetos a partir de três linhas de investimento: promoção de trabalho, emprego e renda e meio ambiente; fortalecimento institucional de associações e organizações sociais e eventos esportivos ou culturais. O primeiro edital garantiu um investimento total no valor de R$ 730 mil, beneficiando, aproximadamente, 300 famílias.

noticias imagem

Projetos sociais apoiados pelo Fundo de Sustentabilidade Hydro apresentam resultados

09/05/2022

No dia 07 de abril de 2022, em Barcarena, o Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH) reuniu parceiros para a apresentação dos resultados dos projetos implantados a partir do seu financiamento. Além disso, o encontro promoveu a interação entre os parceiros executores de projetos, o FSH e a IBS (Iniciativa Barcarena Sustentável), e reflexão coletiva sobre os resultados alcançados durante o ano de 2021. Também levantou e registrou informações a respeito da experiência de execução dos projetos para subsidiar o aprimoramento do processo de acompanhamento de resultados. Entre os parceiros presentes estavam membros das comunidades locais; a Prefeitura de Barcarena, representada pelos secretários Edson Anilo, de Agricultura, e Francinea Dias, de Assistência Social; e membros executores e executivos da Hydro. Ao longo do dia, 10 projetos sociais desenvolvidos em Barcarena foram apresentados. Para Eduardo Figueiredo, diretor executivo do FSH, “Este momento é primordial para que nossos parceiros conheçam mais de perto a realidade das comunidades e o quanto os apoios têm modificado a vida de muitos, contribuindo para o desenvolvimento territorial dessas comunidades aqui de Barcarena. Foi uma excelente oportunidade de aprendizado”. Entre os projetos apresentados estavam as oito iniciativas aprovadas no Edital de Projetos, o Travessia Barcarena e o Tipitix – Empreendedorismo Agroalimentar Comunitário. Para Rosa Maria Silva, representante do projeto Digitando a Cidadania, “Através destes apoios aprendemos que, por meio de uma rede de parcerias, conseguimos trazer conhecimento teórico e prático sobre informática básica para cerca de 360 alunos, a partir de 10 anos, permitindo tanto desenvolvimento pessoal quanto profissional para acesso ao mercado de trabalho”. O projeto será finalizado em junho deste ano. Com ações que visam a desenvolver Organizações Sociais na região de Barcarena, o projeto Fortalecimento das Organizações Sociais de Barcarena realizou capacitações e consultorias customizadas para lideranças de Organizações Sociais sediadas no município e arredores. “O formato online foi desafiador por conta da distância das organizações participantes, dificuldades de conexão à internet e dificuldades de acesso às ferramentas online utilizadas durante a formação. Mas, com o apoio do Fundo e da ONG Parceiros Voluntários, capacitamos 20 organizações”, destaca Larissa Sicchierolli, representante do projeto. Socialização através da música - Musicoterapia A efetiva integração da pessoa com deficiência múltipla e intelectual, junto ao convívio natural com a sociedade, possui várias vertentes. A vertente cultural é, sem dúvida, a mais emblemática para o atingimento deste objetivo. Em parceria com a APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Barcarena, o projeto de musicoterapia assegurou o desenvolvimento de seus atendidos, proporcionando a inclusão ao convívio social. “Trabalhamos muito com nossos alunos questões como o desenvolvimento da autoestima, o "Eu sou capaz", novas habilidades, tornar o aluno participativo e incluso socialmente”, avalia Elton Assis, professor do projeto. Sobre o Fundo de Sustentabilidade Hydro O Fundo de Sustentabilidade Hydro (FSH) é uma organização sem fins lucrativos criada para promover o desenvolvimento sustentável e apoiar projetos de base comunitária e com dinâmica participativa. Instituído em 2019, o FSH nasceu de um compromisso conjunto das empresas Hydro, Albras e Alunorte de investir 100 milhões de reais para alavancar iniciativas e ações que contribuam com o desenvolvimento sustentável do município de Barcarena (PA), em um período de 10 anos. Os investimentos no território de Barcarena são o marco inicial da trajetória do FSH.

noticias imagem

Edital 01 - ONG Parceiros Voluntários inicia ações em Barcarena

22/02/2022

No dia 27 de agosto, o projeto Fortalecimento das Organizações Sociais de Barcarena, da ONG Parceiros Voluntários, iniciou suas ações, em formato on-line. A iniciativa é uma das contempladas no Edital 01 do Fundo de Sustentabilidade Hydro e tem o objetivo de promover o fortalecimento as organizações da sociedade civil que atuam no município de Barcarena, principalmente, nas áreas de assistência social e meio ambiente. Para isso, serão realizadas ações de capacitação e produção de diagnósticos, com o objetivo de localizar potencialidades e fragilidades e elaborar um plano de ação personalizado para cada um dos participantes. Dentre suas etapas, o projeto oferece 30 horas de aulas on-line em temas de gestão, voltados ao Terceiro Setor; 30 horas de atividades complementares, a serem realizadas fora do ambiente de aula, com debates sobre assuntos diversos; e quatro horas de consultoria individual para orientar o plano de ação, a ser definida em reuniões, aulas e na construção do diagnóstico. Os levantamentos, a serem realizados pela Parceiros Voluntários, são elaborados na identificação de quatro frentes: perfil da organização, perfil de atuação da organização, desafios administrativos enfrentados e necessidades de capacitação e aperfeiçoamento. A ação Fortalecimento das Organizações Sociais de Barcarena foi comtemplada na Linha B - Fortalecimento institucional de associações e organizações sociais do Edital 01. As demais são: Linha A - Promoção de trabalho, emprego e renda e meio ambiente; e Linha C - Eventos esportivos ou culturais. “O Fundo de Sustentabilidade Hydro está concentrado em construir uma forma de planejamento compartilhado com a sociedade. As diretrizes para os investimentos são construídas pela sociedade dentro da Iniciativa Barcarena Sustentável (IBS). O nosso objetivo é que, a cada edital, mais organizações apresentem projetos que contribuam para a melhoria da qualidade de vida na região. E nesse cenário que estamos vivendo, queremos garantir que as propostas com potenciais impactos positivos sejam contempladas”, afirma Eduardo Figueiredo, diretor de Desenvolvimento Territorial da Hydro. “Essa capacitação, vinda do Fundo de Sustentabilidade Hydro e da ONG Parceiros Voluntários, será muito positiva e irá nos ajudar a tornar nossas entidades mais sustentáveis, do ponto de vista operacional e administrativo. A capacitação técnica é essencial para nós do terceiro setor. É uma oportunidade de qualificação voltada às necessidades da região “, declarou Eny Furtado, do Instituto Efrain Leão, um dos contemplados pelo projeto. A escolha do total de projetos, contemplados no Edital 01, foi feita por um Comitê de Avaliação, formado por representantes do FSH, das empresas financiadoras e da sociedade civil local, definidos pelos grupos de trabalho da IBS. Na análise, foram verificados critérios de viabilidade técnica, econômica, ambiental e relevância social. O primeiro edital garante um investimento total no valor de R$ 531 mil. Contemplados Linha A - Promoção de Trabalho, Emprego e Renda/ Meio Ambiente • Projeto Ambulante Legal – Caripi Proponente: Talento Recursos Humanos SS Ltda- Microlins • Projeto Digitando a cidadania Proponente: Associação Comunitária Luz Divina Linha B - Fortalecimento Institucional de Associações e Organizações Sociais • Fortalecimento das Organizações Sociais de Barcarena Proponente: ONG Parceiros Voluntários. • Aprender e Aprender. Aprender a fazer. Aprender a conviver e a ser Proponente: Ethos Consultoria Contábil Associados. • Implantação da incubadora de Projetos Sociais Confúcio Proponente: Universidade da Criança. Linha C - Esporte, cultura e lazer • Socialização através da música Musicoterapia Proponente: Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE). • Crê-sporte eventos - Construindo cidadãos através do esporte Proponente: Associação dos Moradores e Produtores Rurais de Bela Vista do Carmelo (Aprovic). • Simpósio da Liderança União Proponente: Associação da Amazônia

noticias imagem

Projeto Tipitix apoia dez novos empreendedores de Barcarena

22/02/2022

O Fundo de Sustentabilidade Hydro, a Fundação Mitsui Bussan do Brasil e o Instituto Peabiru divulgam os selecionados para o segundo Ciclo de Desenvolvimento de Negócios do projeto Tipitix – Empreendedorismo agroalimentar comunitário, uma iniciativa de promoção de soluções de desenvolvimento sustentável na Amazônia. Foram escolhidos dez empreendedores, individuais ou em grupos, que durante quatro meses receberão suporte em assessoria técnica na adequação de seu modelo de negócio; infraestrutura para o beneficiamento de sua produção; apoio em design, crédito e assessoria comercial para colocar o produto e/ou serviço no mercado; assim como suporte administrativo e contábil para os procedimentos referentes à formalização e gestão do negócio. O segundo ciclo recebeu 46 interessados no desenvolvimento de seus negócios e desses 20 avançaram para a etapa de apresentação de suas propostas. Eles puderam elaborar ou melhorar as suas propostas em oficinas de elaboração de projetos, realizadas em novembro. A defesa das ideias foi feita em modelo de “Shark Tank”, com uma apresentação dos projetos a um comitê de jurados que contou com a participação do Secretário Municipal de Agricultura, Edson Cardoso. Cada candidato teve aproximadamente cinco minutos para mostrar a sua ideia de negócio. Os jurados avaliaram a relevância do negócio para o desenvolvimento da agricultura de Barcarena, a viabilidade técnica e operacional da sua implementação, o potencial mercadológico, o impacto social e o impacto ambiental. O Tipitix foi lançado em março deste ano. Investimento voluntário e espontâneo, o projeto recebeu o valor de R$ 1,5 milhão para instalação de uma unidade de beneficiamento, inaugurada em outubro passado, que está oferecendo diversas oportunidades a empreendedores e grupos sociais da região. A iniciativa é alinhada com a política municipal de desenvolvimento rural sustentável gerida pela Prefeitura de Barcarena. Além de um espaço para o beneficiamento, dando origem a vários produtos, o projeto tem compartilhado estratégias de marketing e comercialização, facilitando o acesso desses produtos ao mercado e a novos compradores, como pequenos estabelecimentos comerciais da região, operadores de restaurantes industriais do município e startups de inovação na cadeia agroalimentar. O Instituto Peabiru é o parceiro implementador do Tipitix e o responsável pela administração inicial do projeto, até que seja fortalecido um grupo local para sua gestão no futuro. Além disso, faz a mobilização e seleção dos beneficiários da unidade de negócio. A seleção dos usuários busca garantir, de forma ampla e equitativa no território, o acesso dos diversos grupos produtivos locais às oportunidades oferecidas pelo projeto. Conheça os empreendedores selecionados ao segundo Ciclo de Desenvolvimento de Negócios: Agildo Carvalho* Produto: Açai Benilson Castro Viana* Produto: Óleo de coco Elias Bezerra de Souza* Produto: Chips de banana Natalina Jesus da Costa Coutinho* Produto: Geleia de frutas regionais Paula Amanda* Produto: Hortaliças orgânicas Priscila Raquel Costa Produto: Brigadeiro de macaxeira Raquel Rodrigues Mendes* Produto: Tucupi Silvana de Fatima dos Anjos Produto: Sorvete de taperebá Vagner Dias Produto: Calda de taperebá Vidal Pompeu Gomes Produto: Pão de queijo de macaxeira *Participantes do Ativa Barcarena